Salvador

icon-desk-calendar@2x Created with Sketch. Quando ir
icon-desk-mapa@2x Created with Sketch. Como chegar
icon-desk-cama@2x Created with Sketch. Onde ficar
icon-desk-talher@2x Created with Sketch. Onde comer
icon-desk-star@2x Created with Sketch. O que fazer
icon-desk-star@2x Created with Sketch. Vida Noturna

Quer visitar a “Terra da Alegria”? Faça um tour completo pelas principais atrações da cidade para ter a certeza de se divertir e ao mesmo tempo, conhecer a sua história e cultura.

Um dos destinos mais cobiçados do Brasil, Salvador tem muito o que oferecer aos seus turistas. Ao longo dos seus 467 anos, a capital baiana é conhecida pelo seu carnaval, belas praias, comida e também por ser a capital mais negra do Brasil segundo o IBGE.

Salvador não se resume apenas a folia e férias, mas também a história e cultura. Alguns exemplos disso são suas danças típicas, a capoeira, a umbanda e o candomblé. Neste guia de Salvador, mergulharemos a fundo em tudo o que essa cidade mágica tem a mostrar.

Sobre a história de Salvador

Vista do Elevador Lacerda

O nosso guia turístico de Salvador começa pela sua história, que se mistura com o Período Colonial do Brasil. Primeira capital do país, antecedendo o Rio de Janeiro e Brasília, a cidade ocupou tal posto de 1549 até 1763. Em 2022, Salvador mantém o posto de capital mais populosa do Nordeste, com 2.900.319 de pessoas, segundo o IBGE.

Com a estadia dos portugueses, foi necessário o desenvolvimento da cidade, dando início ao Período Colonial. Parte dessa fase é refletida principalmente na arquitetura da cidade, com construções antigas como igrejas e casarões.

Qual é a melhor época para viajar para Salvador?

Vista aérea do farol de Itapuã

Para que você possa desfrutar de Salvador, pontos turísticos e praias, a dica é não visitar a cidade no período de chuvas, que acontece entre abril e julho.

Os meses de dezembro a fevereiro são a Alta Temporada, excelentes para quem curte agitação, pois é um período repleto de festas, incluindo o carnaval, bem como eventos religiosos locais, como a Procissão do Senhor Bom Jesus dos Navegantes e a Festa de Iemanjá.

Leia também: Quando ir a Salvador: clima e melhor época 

Quanto custa viajar para Salvador?

Ruas do Pelourinho em Salvador

Passagens aéreas para Salvador giram em torno de R$1000, mas considere que, se compradas com certa antecedência, os valores sempre são mais amigáveis.

Já os principais hotéis possuem diárias na faixa dos R$200 – R$400. Falando sobre os pacotes de viagem, os valores costumam variar, considere o melhor custo-benefício levando em conta seus interesses e necessidades. Por isso, coloque tudo na ponta do lápis antes de visitar Salvador.

Como chegar em Salvador?

Vista do Farol da Barra em Salvador

O Aeroporto Internacional de Salvador – Dep. Luís Eduardo Magalhães é o principal ponto de chegada para quem chega de avião. 

Já para quem decide ir de ônibus, o desembarque é no Terminal Rodoviário Armando Viana de Castro, popularmente conhecido como Rodoviária de Salvador. 

Para os aventureiros que decidem chegar até Salvador de carro, a opção é a BR-116 e BR-101 para quem vem do Sul/Sudeste. Em Feira de Santana, pegue a BR-354 até Salvador. Para quem vem do Norte, utilize a BA-099.

Leia também: Como chegar em Salvador: meios de transporte

Onde ficar em Salvador?

ruas no Pelourinho em Salvador

Os bairros mais recomendados para ficar em Salvador são:

  1. O Rio Vermelho, com muitos bares e restaurantes. Os principais hotéis são o Ibis Salvador Rio Vermelho, o Mercure Salvador Rio Vermelho Hotel e o Catharina Paraguaçu;

  1. Ondina, entre o Rio Vermelho e a Barra, com o Hotel Vila Galé;

  1. O Centro Histórico, local de muitas atrações, onde tem o luxuoso Fasano e a tradicional Casa do Amarelindo;

  1. A Barra, que abriga as praias Farol da Barra e Porto da Barra, com o Grande Hotel da Barra;

  1.  E Itapuã e Stella Maris, ao norte da cidade e mais longe dos points de Salvador, mas com a vantagem de hotéis resort, mais pé na areia.

 

Veja mais: onde ficar em Salvador. 

O que fazer em Salvador: atrações mais conhecidas para visitar

Lugares para conhecer definitivamente não faltam em Salvador. A harmonia entre o antigo e o moderno garante aos turistas um grande leque de opções. Além das belas praias, existem centenas de pontos turísticos disponíveis — muitos deles, inclusive, próximos ao mar. Abaixo, listamos aqueles que não podem ficar de fora durante a sua visita:

Praias

A Praia do Farol da Barra é uma das mais cheias da cidade. Ela costuma ser bastante frequentada por famílias com crianças, devido às suas belas piscinas naturais e à infraestrutura completa. A Praia de Stella Maris, a 26 km do centro, é ideal para quem busca mais sossego e privacidade. Outras das praias mais famosas de Salvador são Porto da Barra, Ondina, Itapoã, Buracão, Flamengo, Piatã e Jaguaribe.

Pelourinho

O Pelourinho é o coração da Bahia. O lugar é cheio de casarões coloridos, restaurantes, lojas, igrejas e praças escondidas. Só é possível circular a pé. Nos finais de semana, é comum ver rodas de olodum, peças de teatro na parte alta e pessoas fazendo diversas apresentações e pinturas na rua. Hoje, o Pelourinho é considerado Patrimônio Cultural da Humanidade e é tombado pela Unesco

Farol da Barra

O Forte de Santo Antônio da Barra, mais conhecido como Farol da Barra, está localizado na orla da cidade e foi construído em 1534. Da sua torre, você desfruta de uma das vistas mais deslumbrantes da cidade, além de abrigar o Museu Náutico da Bahia, que conta com um acervo de achados arqueológicos submarinos, instrumentos de navegação, maquetes, etc. Aproveite para visitar ao pôr do sol, pois é um belíssimo espetáculo.

Elevador Lacerda

O Elevador Lacerda liga a Cidade Alta com a Cidade Baixa, onde fica o Mercado Modelo, perfeito para comprar lembranças, artesanatos e produtos típicos da região. São quatro elevadores, cada um com capacidade para cerca de 30 pessoas.

Basílica do Senhor do Bonfim

Fundada em 1754, é a mais importante igreja de Salvador. É conhecida pelas famosas Fitas do Senhor do Bonfim amarradas pelos frequentadores, e também pela realização da Lavagem do Bonfim, evento religioso que ocorre em janeiro. Vale ressaltar sua belíssima arquitetura neoclássica.

O que fazer em Salvador gastando pouco?

vista aérea em Salvador

Nosso guia sobre o que fazer em Salvador gastando pouco começa pela Ponta de Humaitá. Com visita gratuita, é onde locais e turistas se reúnem para apreciar o belíssimo pôr do sol de Salvador. Às margens da baía de Todos-os-Santos, é a escolha dos soteropolitanos para confraternizações e passeios românticos. Aproveite e confira o forte e o farol.

O Museu de Arte Moderna – MAM fica localizado no Solar do Unhão, casarão antigo do século XVI banhado pela baía de Todos-os-Santos. No museu, visitantes poderão apreciar obras de renomados artistas plásticos brasileiros, como Portinari e Tarsila do Amaral. A entrada é gratuita.

Por fim, as belíssimas praias de Salvador não poderiam ficar de fora da lista. Vamos começar pela praia de Boa Viagem. Próxima à Ponta de Humaitá, você já poderá aproveitar para emendar ambos os passeios. Conhecido por seu mar limpo e calmo, é ali a chegada da Procissão Marítima do Bom Jesus dos Navegantes.

Há ainda a Praia de Itapuã, que encantou Vinicius de Moraes. Um cenário paradisíaco, coqueiros e seu famoso farol compõem a paisagem. Por último, não pode faltar a Praia do Farol da Barra, localizada em um dos principais cartões postais de Salvador. Aproveite e visite o seu famoso farol.

Viu só como não faltam opções para você aproveitar a cidade soteropolitana? Com esse Guia de Salvador, você pode começar a preparar as malas, montar seu roteiro e comprar suas passagens aéreas para a capital da Bahia!

Deixe um Comentário